Georg ESPENSCHIED Georg ESPENSCHIED  ‎(I21)‎
Nomes: Georg
Sobrenome: ESPENSCHIED
Também conhecido por: Vovô Jorge, Jorge Espeschit

Sexo: MasculinoMasculino
      

Nascimento: 15 Julho 1849 25 Vendersheim, Rheinhessen, Hessen, DEU
Falecimento: 1935 ‎(Idade 85)‎ Pedro Leopoldo, MG, Brasil
Dados Pessoais e Detalhes
Nascimento 15 Julho 1849 25 Vendersheim, Rheinhessen, Hessen, DEU

Batismo 15 Julho 1849 Vendersheim, Rheinhessen, Hessen, DEU


Exibir Detalhes Fonte: Microfilme Vendersheim: 0949475
Publicação: Microfilme Vendersheim: 0949475 (Kirchenbuch, 1677-1915) pesquisado por Manfred Lewalter Bingen-Dromersheim Alemanha
  Texto: Espenscheid, Georg
bat. 15 JUL 1849, katholisch, Vendersheim, Rheinhessen, Hessen
Pai: Balthasar Esperschied
Mae: Maria Elisabeth Holdenried

Casamento Emma Elisa HAGEN - 28 Fevereiro 1874 ‎(Idade 24)‎ Santo Antônio do Paraibuna, MG, Brasil


Exibir Detalhes Fonte: Pelos Caminhos do Brasil o Que Encontrei
Publicação: Maza Edições - 1995
Detalhes da Citação:  Pág. 27 Par. 12
  Texto: Como Jorge havia determinado, no dia 28 de fevereiro de 1974 ‎(sic)‎, na Matriz de Santo Antônio do Paraibuna ‎[MG]‎, conforme as leis do Império, uniram-se pelos laços do matrimônio, Jorge Espeschit e Amélia Elisa Hagem, esta abrindo mão do Hagem para se tornar uma Espeschit.

Falecimento 1935 ‎(Idade 85)‎ Pedro Leopoldo, MG, Brasil


Exibir Detalhes Fonte: Resumo Biográfico do Pe João Luiz Espeschit

Nota: "Com o falecimento do seu pai em 1935 ‎(...)‎"

Atualizado em 8 Outubro 2013 - 22:47:37 - Última Alteração por: gespeschit
View Details for ...

Parents Family  (F628)
Balthazar ESPENSCHIED
1823 -
Maria Elisabeth HOLDENRIED
- 1857
Georg ESPENSCHIED
1849 - 1935
Anna Maria ESPENSCHIED
1850 - 1858
Philipp ESPENSCHIED
1852 - 1858
Paul ESPENSCHIED
1855 -

Step-Parent Family  (F30)
Balthazar ESPENSCHIED
1823 -
Emma de SIEGLER
1806 -
Frederico ESPESCHIT
-
Helena ESPESCHIT
-
Sophia ESPESCHIT
-
Carola ESPESCHIT
-

Immediate Family  (F11)
Emma Elisa HAGEN
1856 - 1941
Padre João Luiz ESPESCHIT
1876 - 1950
Meneleu ESPESCHIT
1878 - 1951
Antônio ESPESCHIT
1881 -
Flávio ESPESCHIT
1882 - 1974
Corina ESPESCHIT
1886 -
José Pedro ESPESCHIT
1889 - 1977
Levindo ESPESCHIT
1894 - 1912
Lindolpho ESPESCHIT
1896 - 1998


Notas

Nota
Em 1853, aos 10 anos, era "palefreneiro" ‎(1 Pág. 19 Par. 6)‎ com um pequeno ordenado que gastava comprando guloseimas para sua mãe e para Amélia, sua futura esposa.

Em Juiz de Fora, durante a construção da Estrada União e Indústria ‎(1856 a 1861)‎, trabalhou como Guarda de Estábulos.

Com o desaparecimento do irmão e a morte da mãe, distanciou-se do pai, aproximando-se da família de seu futuro sogro Pedro Hagen.

Aos 22 anos, em 1865, com o início da Guerra do Paraguai, foi para Mariano Procópio, MG onde trabalhou como Controlador de Tráfego.

Durante a guerra, os fazendeiros enviavam escravos no lugar de seus filhos. Como era proibido o trânsito de escravos pela Estrada União e Indústria, Jorge os levava até seu pai, Balthazar, que lhes abria as algemas. Em seguida, Jorge colocava em um dos braços de cada escravo uma faixa verde-amarela com os dizeres "V.P. Brazil" ‎(a sigla V.P. significa "Voluntários da Pátria")‎. Assim, livres e identificados, poderiam transitar pela estrada ‎(1 Pág. 20)‎.

Acabada a Guerra, em 1870, Jorge torna-se Capataz das Cavalariças, com melhoria de salário e moradia grátis ‎(1 Pág. 21 Par. 1)‎.

Nos fins de 1870, aos 27 anos, foi indicado por Pedro Hagen, para trabalhar na Fazenda de Boa Vista, distante 18km de Mariano Procópio e de propriedade do Dr. Eugênio Teixeira Leite ‎(1 Pág. 21 Par. 3)‎. Demitiu-se da União e Indústria e começou a trabalhar na Boa Vista em 25 Nov 1870 ‎(1 Pág. 24 Par. 8)‎.

Com os equipamentos adquiridos de Pedro Hagen ‎(1 Pág. 24 Par. 10)‎ Jorge montou uma olaria na Fazenda Boa Vista, onde se tornou o "braço direito" do Dr. Eugênio, tendo construído um engenhoso sistema hidráulico para lavar o café ‎(1 Pág. 25 Par. 6)‎.

Em 1874, aos 31 anos, recebe convite do vereador Juvêncio dos Santos Melo, para um contrato de 4 anos em São Sebastião da Chácara, a 40 km da Fazenda Boa Vista. ‎(1 Pág. 26 Par. 1)‎.

Em 22 Fev 1874 ‎(1 Pág. 26 Par. 7)‎ vai a Mariano Procópio se despedir dos amigos. Depois de longa e secreta conversa, sai com Pedro Hagen até Juiz de Fora retornando com à noite com 3 grandes caixas. Só depois do jantar é que informa a Amélia que eles se casariam dali a 6 dias, na data de aniversário da noiva.

Casa-se em 28 Fev 1874 com Amélia Eliza Hagen, na Matriz de Juiz de Fora, às 10h da manhã ‎(1 Pág. 27 Par. 3)‎.

Jorge era analfabeto ‎(1 Pág. 31 Par. 9)‎. Amélia sabia ler e escrever em alemão ‎(1 Pág. 20 Par. 8)‎. Os filhos estudavam em escolas públicas e ajudavam os pais na olaria, na horta e nas tarefas de casa.

Com visão comercial, Jorge arrendou os terrenos em torno da olaria transformando-os em roça de cereais e outros produtos agrícolas ‎(1Pág. 32 Par. 2)‎. Amélia também ajudava na renda do casal, vendendo quitutes, crochês e bordados ‎(1 Pág. 32 Par. 3)‎.

Em 24 Jun 1876 nasce o primeiro filho, João Luiz Espeschit, futuro "Padre Espeschit" ‎(1 Pág. 32 Par. 9)‎.

No início de 1877, aos 34 anos, muda-se para Sant'Ana do Deserto, arredores de Juiz de Fora, onde faz contratos de parceria com agricultores e cria uma indústria caseira de derivados de carne suína. ‎(1 Pág. 32 Par. 12)‎

Em 13 Mai 1878 nasce Meneleu Espeschit ‎(1 Pág. 33 Par. 5)‎.

Em meados de 1879, aos 36 anos, muda-se para São Francisco de Paula do Rosário, distrito de Juiz de Fora ‎(1 Pág. 33 Par. 7)‎.

Em 21 Mai 1880 nasce Antônio Espeschit ‎(1 Pág. 33 Par. 10)‎. Neste mesmo ano, a família se muda para Simão Pereira, distrito de Juiz de Fora ‎(1 Pág. 33 Par. 11)‎.

Em 7 Fev 1882 nasce Flávio Espeschit ‎(1 Pág. 34 Par. 1)‎.

Em 7 Mar 1886 nasce Corina Espeschit ‎(1 Pág. 34 Par. 3)‎.

Em 13 Mar 1889, na Fazenda Caetés, nasce José Pedro Espeschit ‎(1 Pág.34 Par. 4 - no livro, a data está errada)‎.

Em 15 Nov 1889 ocorre a Proclamação da República.

Em 1891 a família se muda para Engenho do Mato, distrito de Juiz de Fora. ‎(1 Pág.34 Par. 4)‎

Em 17 Nov 1893, por influência do filho João Luiz Espeschit, Jorge arrenda terrenos e assume uma olaria desativada da Estrada de Ferro Central do Brasil em Matias Barbosa, MG ‎(1 Pág. 35 Par. 3)‎.
Enfrentam dificuldades financeiras ‎(1 Pág. 37 Par. 1)‎ pois pela primeira vez tocam um negócio próprio ao invés de atender a um contrato.

Em 5 Abr 1894 nasce Levindo Espeschit.

Em 1895, logo após a ida de João Luiz Espeschit para o seminário de Mariana, o turco-mascate Josafá Abdon informa a Jorge que D. Constança de Aquino quer vender uma gleba de terras da Fazenda Caetés, a 23km de Matias Barbosa ‎(1 Pág. 41 par. )‎

Num negócio "de mãe para filho", Jorge compra a gleba de terra e muda-se para lá em companhia de Meneleu. Amélia e os outros filhos ficam em Matias Barbosa, aguardando a construção da nova casa ‎(1 Pág. 44 Par. 2)‎.

Em 20 Fev 1895, a família muda-se para a Fazenda Caeté. Aos 52 anos, Jorge decide que não quer mais se mudar. Lá são construídos moinho, olaria, lavanderia, chiqueiro, galpões e uma mini-padaria ‎(1 Pág. 44 Par. 5)‎.

Em 28 Mai 1896, às 6 da manhã, nasce Lindolpho Espeschit ‎(1 Pág. 46 Par. 13)‎.

Em 21 Mai 1900, aos 47 anos, Jorge se muda com a família para a Fazenda Boamente que possuía boa casa de moradia e comércio, paiol, criação de porcos, 2 alqueires de terra para agricultura e mais um moinho de fubá. Em troca, a casa de Caetés ficou para um sobrinho de D. Constança. Jorge troca o moinho de fubá, mal localizado, por mais 3 alqueires de terra. ‎(1 Pág 48/49)‎.

Em 26 Dez 1902 mudam-se para o Sítio do Borboleta, a 7km de Mariano Procópio. O sítio tem este nome devido ao rico exilado uruguaio Ramirez Mendoza Borboleta que viveu no local de 1894 a 1902 e que vendeu as terras para o Sr. Benjamim Assis, o qual convidou Jorge e família para lá morar ‎(1 Pág. 115)‎.

Em 18 Dez 1905 mudam-se para Cana Verde, onde o Padre Espeschit havia sido nomeado vigário. ‎(1 Pág. 195 Par. 2 + Pág. 212 Par. 4)‎.

Em 1906 Meneleu, esposa e filha vão com Lindolpho para Juiz de Fora. José Pedro e Levindo vão estudar em São João Del Rey. Lindolpho é matriculado como interno na Academia do Comércio de Juiz de Fora. Jorge, Amélia, Antônio, Flávio e Corina mudam-se para Sete Lagoas, onde o Padre Espeschit torna-se vigário. ‎(1 Pág 226 Par. 1)‎

Em 21 Dez 1906 mudam-se todos ‎(exceto Meneleu)‎ de Juiz de Fora para Nossa Senhora de Oliveira ‎(1 Pág 217 Par. 1)‎. Levindo e Lindolpho passam para o regime de semi-internato. João Luiz arruma algumas vacas leiteiras que são cuidadas por Antônio ‎(1 Pág. 220)‎.

Em 3 Dez 1908 Lindolpho muda-se para Sete Lagoas ‎(1 Pág. 241)‎ juntando-se a Jorge, Amélia, Padre Espeschit, Antônio, Flávio e Corina. Meneleu permanece em Juiz de Fora com mulher e filha.

Em 15 Jul 1909 Jorge, Amélia, Antônio, Flávio, Corina e Lindolpho mudam-se para Ouro Preto acompanhando Padre Espeschit que funda jornal "Pátria Mineira" com Dr. Joaquim Furtado de Menezes, fundador do partido Regenerador. A oficina do jornal é na Rua São José, 127. ‎(1 Pág. 248/249)‎.

Em 26 Dez 1909 Jorge, Amélia, Antônio, Levindo e Lindolpho mudam-se para o Rio de Janeiro onde o Padre Espeschit funda o jornal "Pátria Brasileira". José Pedro segue para Belo Horizonte, onde ganha uma bolsa de estudos na Escola de Odontologia. Flávio também vai para Belo Horizonte, onde consegue um emprego na Imprensa Oficial. Corina casa-se com um dos vizinhos do prédio onde estava instalada a oficina do "Pátria Mineira" e fica em Ouro Preto. ‎(1 Pág. 252 Par. 5 e 6)‎.

Em 1910, Jorge, Amélia, Antônio e Levindo mudam-se para São João Del Rey. Levindo estava mal de saúde. Lindolpho continua no Rio de Janeiro. ‎(1 Pág. 268 Par. 8)‎

Em 1912, após a morte de Levindo, Balthazar e Amélia estavam morando em Mariano Procópio com Meneleu ‎(1 Pág. 277 Par. 3)‎

REFERÊNCIAS
‎(1)‎ ESPESCHIT, Lindolpho - "Pelos Caminhos do Brasil, o Que Encontrei" - Mazza ‎(1995)‎ ISBN 85-7160-051-1
‎(2)‎ STHELING, Luiz José - "Juiz de Fora, a Companhia União e Indústria e os Alemães", Instituto Histórico e Geográfico de Juiz de Fora ‎(1979)‎.
Falecimento "Com o falecimento do seu pai em 1935 ‎(...)‎"

View Notes for ...


Fontes
Batismo Microfilme Vendersheim: 0949475
Publicação: Microfilme Vendersheim: 0949475 (Kirchenbuch, 1677-1915) pesquisado por Manfred Lewalter Bingen-Dromersheim Alemanha
  Texto: Espenscheid, Georg
bat. 15 JUL 1849, katholisch, Vendersheim, Rheinhessen, Hessen
Pai: Balthasar Esperschied
Mae: Maria Elisabeth Holdenried
Casamento Pelos Caminhos do Brasil o Que Encontrei
Publicação: Maza Edições - 1995
Detalhes da Citação:  Pág. 27 Par. 12
  Texto: Como Jorge havia determinado, no dia 28 de fevereiro de 1974 ‎(sic)‎, na Matriz de Santo Antônio do Paraibuna ‎[MG]‎, conforme as leis do Império, uniram-se pelos laços do matrimônio, Jorge Espeschit e Amélia Elisa Hagem, esta abrindo mão do Hagem para se tornar uma Espeschit.
Casamento Pelos Caminhos do Brasil o Que Encontrei
Publicação: Maza Edições - 1995
Detalhes da Citação:  Pág. 27 Par. 12
  Texto: Como Jorge havia determinado, no dia 28 de fevereiro de 1974 ‎(sic)‎, na Matriz de Santo Antônio do Paraibuna ‎[MG]‎, conforme as leis do Império, uniram-se pelos laços do matrimônio, Jorge Espeschit e Amélia Elisa Hagem, esta abrindo mão do Hagem para se tornar uma Espeschit.
Casamento Pelos Caminhos do Brasil o Que Encontrei
Publicação: Maza Edições - 1995
Detalhes da Citação:  Pág. 27 Par. 12
  Texto: Como Jorge havia determinado, no dia 28 de fevereiro de 1974 ‎(sic)‎, na Matriz de Santo Antônio do Paraibuna ‎[MG]‎, conforme as leis do Império, uniram-se pelos laços do matrimônio, Jorge Espeschit e Amélia Elisa Hagem, esta abrindo mão do Hagem para se tornar uma Espeschit.
Falecimento Resumo Biográfico do Pe João Luiz Espeschit

Nota: "Com o falecimento do seu pai em 1935 ‎(...)‎"

View Sources for ...


Mídia

Mídia
JORGE_ESPESCHIT.JPGJORGE_ESPESCHIT.JPG  ‎(M31)‎

Mídia
Jorge EspeschitJorge Espeschit  ‎(M337)‎
Tipo: Foto


Nota: Marcelo Espeschit Zolini publicou a foto no facebook no dia 08/10/2013. Jorge Espeschit com sua neta Ruth Espeschit. Matilde ‎(vó de Ruth Espeschit)‎ e Julieta ‎(tia de Ruth)‎
View Media for ...


Família com Pais
Pai
Balthazar ESPENSCHIED ‎(I39)‎
Nascimento 13 Agosto 1823 24 Fürfeld, Rheinhessen, Hessen, DEU
Falecimento Juiz de Fora, MG, Brasil
Mãe
Maria Elisabeth HOLDENRIED ‎(I2153)‎
Falecimento antes de 1857

Casamento Religioso: 20 Fevereiro 1849 -- Vendersheim, Rheinhessen, Hessen, DEU
5 meses
#1
Georg ESPENSCHIED ‎(I21)‎
Nascimento 15 Julho 1849 25 Vendersheim, Rheinhessen, Hessen, DEU
Falecimento 1935 ‎(Idade 85)‎ Pedro Leopoldo, MG, Brasil
10 meses
#2
Irmã (Nascimento)
Anna Maria ESPENSCHIED ‎(I2156)‎
Nascimento 30 Maio 1850 26 Vendersheim, Rheinhessen, Hessen, DEU
Falecimento antes de Maio 1858 ‎(Idade 7)‎
2 anos
#3
Irmão (Nascimento)
Philipp ESPENSCHIED ‎(I2157)‎
Nascimento 28 Maio 1852 28 Vendersheim, Rheinhessen, Hessen, deu
Falecimento antes de Maio 1858 ‎(Idade 5)‎
4 anos
#4
Irmão
Paul ESPENSCHIED ‎(I206)‎
Nascimento 18 Novembro 1855 32 Vendersheim, Rheinhessen, Hessen, DEU
Família Paterna com Emma de SIEGLER
Pai
Balthazar ESPENSCHIED ‎(I39)‎
Nascimento 13 Agosto 1823 24 Fürfeld, Rheinhessen, Hessen, DEU
Falecimento Juiz de Fora, MG, Brasil
-18 anos
Mãe Adotiva
 
Emma de SIEGLER ‎(I207)‎
Nascimento 1806 Essen, Hessen, Alemanha
#1
Meio-Irmão
#2
Meia-Irmã
#3
Meia-Irmã
#4
Meia-Irmã
Família com Emma Elisa HAGEN
Georg ESPENSCHIED ‎(I21)‎
Nascimento 15 Julho 1849 25 Vendersheim, Rheinhessen, Hessen, DEU
Falecimento 1935 ‎(Idade 85)‎ Pedro Leopoldo, MG, Brasil
7 anos
Esposa
 
Emma Elisa HAGEN ‎(I22)‎
Nascimento 29 Fevereiro 1856 Berlin, Berlin, Alemanha
Falecimento 1941 ‎(Idade 84)‎ Pedro Leopoldo, MG, Brasil

Casamento: 28 Fevereiro 1874 -- Santo Antônio do Paraibuna, MG, Brasil
2 anos
#1
Filho
Padre João Luiz ESPESCHIT ‎(I83)‎
Nascimento 23 Junho 1876 26 20 Chácara, MG, Brasil
Falecimento 27 Novembro 1950 ‎(Idade 74)‎ Pedro Leopoldo, MG, Brasil
2 anos
#2
Filho
Meneleu ESPESCHIT ‎(I48)‎
Nascimento 13 Maio 1878 28 22 Santana do Deserto, MG, Brasil
Falecimento 23 Setembro 1951 ‎(Idade 73)‎ Sabará, MG, Brasil
3 anos
#3
Filho
Antônio ESPESCHIT ‎(I43)‎
Nascimento 21 Maio 1881 31 25 Rosário, MG, Brasil
9 meses
#4
Filho
Flávio ESPESCHIT ‎(I45)‎
Nascimento 7 Fevereiro 1882 32 25 Simão Pereira, MG, Brasil
Falecimento 28 Março 1974 ‎(Idade 92)‎ Curvelo, MG, Brasil
4 anos
#5
Filha
Corina ESPESCHIT ‎(I46)‎
Nascimento 7 Março 1886 36 30 Rosário, MG, Brasil
3 anos
#6
Filho
José Pedro ESPESCHIT ‎(I15)‎
Nascimento 13 Março 1889 39 33 Caeté, MG, Brasil
Falecimento 13 Fevereiro 1977 ‎(Idade 87)‎ Manhuaçu, MG, Brasil
5 anos
#7
Filho
Levindo ESPESCHIT ‎(I47)‎
Nascimento 5 Abril 1894 44 38 Matias Barbosa, MG, Brasil
Falecimento 1912 ‎(Idade 17)‎ Belo Horizonte, MG, Brasil
2 anos
#8
Filho
Lindolpho ESPESCHIT ‎(I44)‎
Nascimento 2 Junho 1896 46 40 Sarandi, MG, Brasil
Falecimento 8 Junho 1998 ‎(Idade 102)‎ Belo Horizonte, MG, Brasil